Zé Cocá comemora inauguração da Policlínica em Jequié

Sexta / 05 Jan 2018 / 16h49



quarta Policlínica Regional de Saúde foi naugurada na manhã desta sexta-feira (22/12/2017) pelo governador Rui Costa, em Jequié. A clínica atenderá os 28 municípios que integram o Consórcio Público Interfederativo de Saúde da Região, alcançando mais de 500 mil baianos com oferta de diversos serviços de saúde. Zenildo Brandão (Zé Cocá), ex prefeito de Lafayete Coutinho e atual coordenador dos Consórcios Públicos de Infraestrutura da Bahia, foi o primeiro presidente do Consórcio Regional de Saúde de Jequié, viabilizando a concretização deste empreendimento. ‘’A Policlínica vai impulsionar a economia de Jequié e facilitar a saúde pública da microrregião. Agora Jequié será polo regional de saúde’’, acrescentou. Rui começou o dia com a entrega de três ambulâncias, distribuídas entre os municípios de Tanhaçu, Iramaia e Teolândia. Em seguida, iniciou uma visita guiada às instalações da policlínica, quando apresentou a unidade aos profissionais de imprensa e autoridades convidadas. Logo em seguida, a placa de inauguração foi descerrada. O governador aproveitou a oportunidade para destacar que o sucesso dos modelos da Policlínica é atribuído ao modelo de gestão que não tem interferência do Governo do Estado no cargo de direção. “Para fugir de uma eventual disputa política entre lideranças e garantir uma postura profissional às unidades, foi realizada uma seleção pública para a escolha dos diretores e diretoras das policlínicas. Além disso, os selecionados passaram por um treinamento de capacitação num período de um ano e meio para poderem gerir esse serviço que agora se concretiza. Nenhum deles foi escolhido pelo governador, deputados ou prefeitos. Acho importante destacar esse modelo que foi adotado do Estado do C e a r á , d e o n d e , c o m o j á f a l e i anteriormente, pegamos como exemplo o método dos consórcios de saúde com os municípios para a implantação das policlínicas regionais”, explicou Rui. A policlínica de Jequié contou com investimento de R$ 22 milhões, utilizados na realização de obras civis e compra de equipamentos, oferece atendimento para 14 especialidades, com previsão de ampliação. A unidade ainda emprega mais de 80 profissionais entre médicos, enfermeiros e apoio administrativo. Segundo o governador, as policlínicas regionais têm um padrão de qualidade melhor do que muitas clínicas particulares.“Além de aparelhos de alta tecnologia toda a área interna da unidade é refrigerada com w i – fi g r a t u i t o p a r a p a c i e n t e s e acompanhantes. Cada detalhe aqui foi pensado e repensado. Estamos inovando na Bahia, um modelo que garante mais exames para a população, com maior qualidade, e menor custo para os municípios. Este é o sonho de todo gestor”, afirmou Rui Costa. A Policlínica de Jequié funcionará como as demais unidades do tipo na Bahia em que o atendimento ocorre por regulação para consultas médicas, exames diagnósticos e tratamentos terapêuticos. Cada município que integra o consórcio terá um número determinado de atendimentos que poderão ser realizados por mês. A quantidade será determinada levando em consideração a quantidade de habitantes de cada local. O transporte dos pacientes de outros municípios será feito em 14 micro-ônibus e uma van que vão realizar o deslocamento dos pacientes de forma gratuita entre os municípios do Consórcio. O conforto dos usuários também foi pensado e cada veículo conta com ar-condicionado e wi-fi.