Colunista
Nonato Lobo

Municípios da Chapada temem perder visitantes na alta estação

Segunda / 30 Nov 1999 / 00h00



Foto: Divulgação

A segunda-feira foi de boas notícias para a Chapada Diamantina. Foram liberadas três trilhas que estavam interditadas por causa do incêndio que atinge a região - as que dão acesso às cachoeiras do Buracão, da Fumacinha e do Véu de Noiva, todas no município de Ibicoara. A notícia é um alento para os municípios da Chapada, que sofrem com a redução do movimento de turistas desde que o fogo passou a assolar o Parque Nacional. No município de Mucugê, ponto de saída dos passeios para diversas regiões da Chapada, a atividade sofreu queda estimada em 50%. “Temos hotéis que nesta época do ano já estariam completamente reservados (para o Réveillon) e hoje estão com menos da metade da ocupação”, constata a secretária de Turismo do município, Aline Machado Em Lençóis, principal cidade da região, apesar da visitação continuar aberta em todos os atrativos turísticos, a secretaria de turismo informou que está recebendo muitas ligações de visitantes assustados com as notícias de incêndio. Em Andaraí, a constatação da prefeitura é que os pacotes estão sendo postergados. “O boom turístico que é comum nesta época do ano ainda não aconteceu”, afirmou o secretário municipal de meio ambiente e turismo, Dário Magalhães.