Bahia do Povo

Comercialização de adesivos ofensivos à presidente Dilma será investigada

Sexta / 03 Jul 2015 / 20h59
Autor(a): Agência Brasil



Foto: Elza Fiuza/ Agência Brasil

A produção e a comercialização de adesivos para carros feitos com a foto de uma mulher com as pernas abertas e o rosto da presidente Dilma Rousseff (PT) serão investigadas pelo Ministério Público Federal (MPF), a Advocacia-Geral da União (AGU) e o Ministério da Justiça. O pedido, feito na última quarta-feira (1), partiu da secretária de Política para as Mulheres (SPM-PR), Eleonora Menicucci, de acordo com o Correio Braziliense. A gestora pediu que os órgãos instaurassem investigações que impeçam a produção, veiculação, divulgação, comercialização e utilização dos adesivos. Eleonora quer ainda que sejam apuradas as responsabilidades civis e penais dos autores. Segundo o site Mercado Livre, o anúncio do produto foi retirado do ar na quarta-feira (1), após a denúncia de um dos usuários, por considerar que o material poderia ser enquadrado como crime de difamação. Na página, era possível encontrar cada adesivo, de 60cm x 40cm, por R$ 34,90. O criador do material é um vendedor do Recife, que anuncia produtos no site há cinco anos. 

comentários


Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.